apartidarismo

Defendemos e praticamos a nossa própria capacidade de agir, de interferir, de transformar e a auto-organização da inteligência coletiva. Não esperamos que alguém ou alguma instituição, partido ou empresa, aja por nós. Entendemos que a democracia representativa e a estrutura parlamentar defende seus próprios interesses – que não são os nossos.

A discordância é profunda, dado diferenças inclusive na forma de organização: enquanto defendemos a auto-organização, horizontalidade e autonomia, essas instituições rechaçam e coíbem essas medidas, partindo da própria estrutura em que se organizam. Nela, somente poucos detêm o poder de ação em todos os campos, sendo somente essas ações as legítimas.

Por isso, somos apartidárias. Somos independentes de partidos políticos e de outros grupos políticos que defendem essa via, vinculando a participação política ao ato de votar ou à eleição de um representante. Consideramos que acreditar que votar em representantes para exercer o poder em nosso nome não é um ato de liberdade.

Deixe uma resposta